ban
Pesquisa no Guia Pet




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e ReformarGuia da CulinariaGuia do Turismo e Lazer





submarino


voltar
<<< Anterior Próxima >>>


ESCOLHA O TAMANHO DA FONTE - A - A

25/6/2009
Em 6 meses, Adotar é Tudo de Bom encontra lares para mais de 3 mil cães abandonados

Em 6 meses, Adotar é Tudo de Bom encontra lares para mais de 3 mil cães abandonados



Campanha mundial da PEDIGREE® completa sua primeira metade de ano no Brasil conscientizando pessoas e levantando recursos para mais de 25 ONGs e abrigos de todo o país

Ações efetivas para mudar uma triste realidade. É assim que podem ser definidos os seis primeiros meses do programa Adotar é tudo de bom, parte da campanha mundial PEDIGREE® que, desde novembro do último ano, vem realizando uma série de ações para diminuir o alto número de cães abandonados por meio da sensibilização, conscientização e mobilização da população, do apoio aos abrigos que resgatam cães e promovem a adoção consciente e finalmente, por meio da educação da população sobre a posse responsável.

Desde o final de 2008, as iniciativas para a causa dos mais de 20 milhões de cães abandonados no Brasil só têm se multiplicado. O programa, que tem como meta doar até R$ 1 milhão para abrigos participantes da campanha nos primeiros 12 meses, acumulou novas estratégias, parceiros e uma série de atividades que ajudaram a promover até aqui a adoção direta de mais de 3068 cachorros abandonados.

"Este é o nosso primeiro passo e ainda há muito por fazer. Vamos continuar nosso trabalho a longo prazo de sensibilização das pessoas para esta realidade, além de continuar nosso apoio e contribuir com cada vez mais ONGs e abrigos aptos para promover adoções conscientes", explica José Rapacci, diretor de marketing para petfood da Mars Brasil. Até o final de 2009, serão mais de 40 ONGs apoiadas pela campanha e espalhadas por todo o Brasil com o objetivo de ultrapassar a marca de 5 mil adoções.

Com casos de sucesso entre as entidades parceiras, como a ONG Animal & Natureza, em Minas Gerais, que conseguiu triplicar seu número mensal de adoções a partir do início do Adotar é tudo de bom, ainda há muito por ser feito. O programa segue seu trabalho de busca e adequação de novas entidades parceiras, sobretudo no Norte e Nordeste, regiões que ainda não possuem um trabalho estruturado de proteção. "Por isso, é importante conscientizar e difundir cada vez mais os quatro cantos do país com ações de impacto para aproximar novos parceiros e pessoas para a causa", complementa Cynthia Schoenardie, gerente responsável pelo programa Adotar é tudo de bom.

Desde sua primeira aparição na mídia, a campanha feita para o Adotar é tudo de bom conquistou e sensibilizou o público. Com um intenso trabalho junto à grande imprensa, o programa conseguiu tornar o tema adoção de animais frequente e recorrente na sociedade, levantando os ideais da causa entre os principais formadores de opinião, jornalistas e celebridades do país. Em conjunto com o grupo Piloto Amigo dos Animais, a ação atraiu para a causa nomes consagrados do automobilismo, como Michael Schumacher e Felipe Massa. A campanha ainda ganhou uma trilha sonora exclusiva do músico Lucas Lima e a linha de joias comemorativas alusivas aos 6 primeiros meses da campanha, assinadas pelo designer Ara Vartanian, que terá 15% do seu valor de comercialização revertido diretamente para o Adotar é tudo de bom.

As ações na internet, que passam pela criação de um portal e ações específicas para a Web 2.0, ajudaram o programa da PEDIGREE® a impactar mais de 16 milhões de internautas e superou a marca de 1 milhão de acessos no endereço www.adotaretudodebom.com.br . "Em nosso portal, criamos um fórum específico de discussão para a nossa causa e compartilhamos histórias emocionantes de pessoas que deram um final feliz à situação de abandono destes animais", conta Cynthia. Ao todo, são mais de 430 relatos recebidos pelo portal Adotar é tudo de bom, todos expressos em histórias fascinantes de mudança de realidade não só para os cachorros, mas também para as famílias que os acolheram.

Sem prazo especifico para acabar, o programa Adotar é tudo de bom continuará reforçando a importância da causa dos cachorros abandonados. Para isso, PEDIGREE® continuará contando nos próximos seis meses com um robusto programa de comunicação, que incluirá ações na internet, TV, cinema, materiais de ponto de venda, entre outros. Com o objetivo de conscientizar cada vez mais a população sobre a posse responsável de animais, o Adotar é tudo de bom participará do lançamento do desenho animado nacional produzido pela Mixer "Escola para Cachorro", que será veiculado a partir de Agosto no canal Nickelodeon e posteriormente na TV Cultura. "Será uma ação estratégica, já que falaremos com crianças de menos de 5 anos, começando desde cedo sua educação para que no futuro elas possam ser adultos mais conscientes", complementa Cynthia.

Outra iniciativa prevista para o Adotar é tudo de Bom este ano é o lançamento de um novo filme do programa na internet. Para cada vez que o vídeo for assistido, PEDIGREE® se comprometerá em doar 1 prato de alimento para os cães que vivem nos abrigos participantes. "Este é um de nossos principais desafios: criar cada vez mais canais para mobilizar o maior número possível de pessoas para nos ajudar a ajudá-los. E é apenas o começo", avisa Cynthia.

Para todo produto PEDIGREE® vendido, a empresa se compromete a fazer uma doação para ajudar as instituições de cães participantes da campanha. A meta é doar até R$ 1 milhão nos primeiros 12 meses. As doações valerão para todo produto PEDIGREE® comercializado até o dia 31 de outubro 2009.

Adotar é tudo de bom na internet:
Portal: www.adotaretudodebom.com.br
Twitter: twitter.com/adotaretudodbom (com d mudo)
Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=51107961
Flickr: www.flickr.com/groups/adotaretudodebom
Yahoo! Grupos: www.adotaretudodebom-yahooespeciais-grupos.com/



Fonte: LVBA



COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA







 
 
Guia Pet & Cia 2008-2014 ©, uma empresa do Grupo Guias Web - Todos os direitos reservados
Normas de uso - Política de privacidade

CSS vlido! Valid XHTML 1.0 Transitional