ban
Pesquisa no Guia Pet




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e ReformarGuia da CulinariaGuia do Turismo e Lazer





submarino


voltar
<<< Anterior Próxima >>>


ESCOLHA O TAMANHO DA FONTE - A - A

21/05/2018
Cuidados de rotina evitam o aparecimento de otites nos pets

Limpeza e remoção do excesso de cera devem ser realizadas periodicamente


Nos cães, a audição é extremamente aguçada. E isso é muito fácil de constatar, afinal, quem nunca percebeu a alegria – e os latidos – de um cachorrinho anunciando a chegada do seu dono bem antes de ele aparecer? Além da alta capacidade auditiva, o ouvido dos cães também influencia diretamente o seu equilíbrio. E, para manter esse órgão saudável, é muito importante uma boa higiene.

Manter o ouvido dos Pets limpo contribui para a saúde e o bem-estar animal, prevenindo inflamações, alergias e infecções que podem causar dor e até levar à perda da audição.

Cães com orelhas maiores, caídas ou mais compridas e cheias de pelo precisam de atenção redobrada no quesito limpeza, já que acumulam maior quantidade de sujeira e umidade e têm mais chance de desenvolver problemas auriculares.

Para ajudar os donos de pets na tarefa, a UCBVET desenvolveu o Ceruclean®, solução otológica para a limpeza e a desinfecção do conduto auditivo e do pavilhão auricular de cães e gatos. Elaborado com substâncias que removem o excesso de cerúmen acumulados no ouvido, o produto não possui contraindicação. E o mentol presente em sua formulação alivia, refresca e proporciona maior conforto ao animal.

Para a aplicação do produto, Mariana de Castro Amancio, médica-veterinária e analista de Marketing da UCBVET, dá algumas dicas: “Na hora de fazer a limpeza, acalme o animal e escolha um ambiente que seja seguro e não propício a acidentes. Passe tranquilidade e demonstre carinho pelo seu pet. Com o animal contido, aplique o Ceruclean® no conduto auditivo do animal e massageie com movimentos delicados na base da orelha. Remova a secreção e as sujidades com o auxílio de um pedaço de algodão. Caso necessário, repita o processo até que o ouvido esteja limpo e seco”.

A limpeza deve ser realizada rotineiramente a cada 15 dias e, no caso de otites, esta deve ser feita de duas a três vezes ao dia, sempre antes de aplicar a medicação tópica ou a critério do médico-veterinário. A remoção do excesso de cera e das células mortas permite que o medicamento penetre melhor nos ouvidos, tornando o tratamento mais eficaz.

“Após a higienização, recompense o seu bichinho de estimação, reforçando o seu bom comportamento. Isso, com certeza, facilitará o processo nas próximas vezes”, orienta Mariana Amancio.

UCBVET - http://www.ucbvet.com




Fonte: Grupo Publique



COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA







 
 
Guia Pet & Cia 2008-2018 ©, uma empresa do Grupo Guias Web - Todos os direitos reservados
Normas de uso - Política de privacidade

CSS vlido! Valid XHTML 1.0 Transitional