ban
Pesquisa no Guia Pet




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e ReformarGuia da CulinariaGuia do Turismo e Lazer





submarino


voltar

Tipos e Raças/Cães/Lhasa Apso


Lhasa Apso
COMENTE
GALERIA DE FOTOS
Há 12 fotos de Lhasa Apso - Escolha a categoria abaixo
Filhotes/Jovens - 4 fotos
Fotos de Perto - 3 fotos

Você é criador desta raça ? Você pode mandar fotos pelo email contato3@guiapetecia.com.br.

Observação: Não aceitamos fotos com a logomarca do canil, ou com textos inscritos nelas. A intenção do Guia é oferecer conteúdo de qualidade aos seus usuários. Os créditos ao canil ficam em destaque no cabeçalho da página (Veja um exemplo, clicando aqui)
VIDEOS
Ainda não há videos desta raça


Você é criador desta raça ? Você pode mandar seus videos pelo email contato3@guiapetecia.com.br.
Você poderá enviar o video em um arquivo anexo ao email, ou nos indicar o link da página em que o video esteja hospedado (Youtube, Yahoo Videos, etc).

Não serão permitidos slides em formatos de videos.


DADOS

Nome da Raça Lhasa Apso
País onde a raça é recorrente : China
 
Descrição da Raça
O Lhasa Apso é uma raça antiga, criada durante séculos apenas pelos nobres e monges do Tibete. Lhasa é o nome da cidade sagrada da região e Apso poderá ter origem em cabra, devido à pelagem lanosa, ou leão, devido ao seu papel de protector de templos.
O Lhasa Apso é considerado um cão sagrado na sua Terra Natal. Os tibetanos acreditam que a alma de um homem virtuoso descansa no seu animal preferido, depois de morrer.

Como guarda de templos e mosteiros, ladrando furiosamente a desconhecidos, o Lhasa Apso é tido como um amuleto de boa sorte, mas teria de ser oferecido, não podia ser comprado. Assim, estes cães permaneceram desconhecidos do resto do mundo até ao início do século XX. Por volta da década de 20 do século passado, Dalai Lama começou a procurar apoios internacionais para a causa tibetana e ofereceu alguns cães desta raça como presente a diplomatas, sobretudo a britânicos.

A raça só se tornaria conhecida nos Estados Unidos da América uma década mais tarde. Mas a popularidade que conheceu foi imediata e em 1935 já tinha sido reconhecida pelo AKC, apesar de ter sido mal classificado como Terrier.
O Lhasa Apso é um cão de pequeno porte, cuja altura deverá ser de 40,4 cm para os cães e um pouco menos para as cadelas.

A cabeça é larga, o focinho de tamanho médio e o nariz preto, os olhos são pequenos e profundos, de cor escura e estão tapados pela pelagem da cabeça, as orelhas têm franjas e caem pendentes para cada lado da cabeça.
Tem barba e bigodes compridos e de cor mais escura que o resto da pelagem, o pescoço é curto e guarnecido de uma juba, os membros anteriores são verticais, e tal como os posteriores, estão totalmente tapados pelos longos pêlos, a cauda possui franjas e é mantida sobre o dorso.

A pelagem é comprida, lisa e pesada. As cores permitidas são o dourado, cor de mel, ardósia, areia, cinzenta, branca ou castanha.

De estatura bastante pequena, o Lhasa Apso surpreende pela sua coragem e determinação, é um ótimo cão de alerta, com instinto natural para ladrar a estranhos até à chegada do dono. Pode tornar-se demasiado barulhento, se não for desencorajado a ladrar.

Lhasa Apso é bastante autônomo e independente o que pode dificultar o treino, o dono deve impor a sua dominância desde cedo e manter um treino consistente.

Devido ao seu caráter reservado com estranhos, não é um cão sociável. Necessita por isso de ser desde cedo habituado com outras pessoas, gosta de ser o único animal da casa, o que pode originar lutas caso partilhe a casa com outros cães.

O Lhasa Apso é um cão vivo e brincalhão, mas desaconselhado para crianças, este cão não tolera abusos e tem tendência a tornar-se nervoso quando recebe demasiada atenção de crianças. Com a família, é bastante meigo.

Esta raça adapta-se bem à vida num apartamento, não pode viver no exterior e é bastante ativa dentro de casa. Isto não quer dizer que os passeios diários sejam negligenciados.

O Lhasa Apso é na generalidade um cão bastante saudável. Alguns dos problemas mais verificados na raça dizem respeito a mal formações nas articulações, complicações renais e oculares.

A abundante pelagem do Lhasa Apso exige cuidados particulares: o pêlo deve ser escovado todos os dias, de forma a eliminar riças que poderão causar infecções na pele. Este cão larga bastante pêlo durante todo o ano.

Ajude o Guia Pet & Cia
Há alguma informação incorreta nesta descrição ? Faça a revisão deste artigo e entre em contato com o Guia Pet & Cia atravez do email contato3@guiapetecia.com.br nos enviando sua correção. Colocaremos os créditos.






CRIADORES CADASTRADOS
 
 
Guia Pet & Cia 2008-2017 ©, uma empresa do Grupo Guias Web - Todos os direitos reservados
Normas de uso - Política de privacidade

CSS vlido! Valid XHTML 1.0 Transitional